terça-feira, 9 de agosto de 2022

Flamengo tenta contratar o meia Douglas

Sem Thiago Neves, o Flamengo corre atrás de um meia para reforçar o setor de criação. E o nome da vez não é novo. Douglas, do Grêmio, que já fora sugerido em dezembro e, segundo informações não confirmadas oficialmente, foi vetado por Vanderlei Luxemburgo, voltou à pauta do vice de finanças Michel Levy. É mais um sinal de perda de força do treinador junto à diretoria.

A negociação pelo meia pode ser facilitada por conta de uma ação judicial contra o clube gaúcho vencida pelo Flamengo, relativa à venda de Rodrigo Mendes. O valor da ação gira em torno de R$ 7 milhões.

O Grêmio estaria pedindo 2 milhões de euros (R$ 4,5 milhões) para liberar o jogador, que tem contrato até meados de 2012 e já manifestou desejo de sair.
O Grêmio tenta prorrogar o contrato, que termina em 31 de dezembro de 2012. Fez duas propostas, recusadas pelo empresário Bruno Paiva. O agente deve viajar a Porto Alegre até o final do mês para tratar do assunto.
Se não prorrogar o contrato com Douglas, o Grêmio aceita negociar o atleta. Só vendendo. Deseja receber 2 milhões de euros (R$ 4,5 mihões). Douglas foi comprado em 2010 do do Al Wasl, dos Emirados Árabes Unidos.
Na próxima semana, Levy deverá ir à Rússia aumentar a oferta pelo atacante Vágner Love para 8 milhões de euros. A primeira, de 6 milhões de euros, foi ironizada e considerada inadequada. O clube contratou na quarta-feira o zagueiro brasileiro naturalizado chileno Marcos González, da Universidad de Chile, que deverá ser anunciado após exames médicos. (O Dia)

Corinthians retira proposta e diz que novela por Montillo terminou

O presidente em exercício do Corinthians, Roberto de Andrade, cansou de esperar por uma resposta do Cruzeiro e colocou um ponto final na busca pelo meia argentino Montillo. Nesta quarta-feira, antes do amistoso do Timão contra a Portuguesa, no Pacaembu, o mandatário afirmou que retirou a proposta feita pelo jogador.

“Eu aviso oficialmente que a proposta do Corinthians não tem mais validade nenhuma. O Montillo não será jogador do Corinthians. Se o presidente do Cruzeiro estava aguardando que eu dissesse isso, estou falando agora”, declarou Roberto de Andrade, insatisfeito com a atitude dos mineiros.

“Hoje (quarta) tentamos falar com os dirigentes do Cruzeiro duas ou três vezes e não fomos atendidos. Isso é falta de respeito. Eles não precisam vender o jogador, mas deveriam dar uma resposta e não deram. O Corinthians não está mais atrás do Montillo”, acrescentou, antes de avisar que não quer mais conversa sobre o assunto. “A proposta está retirada. A partir de amanhã, farei como eles fizeram conosco. Se algum dirigente do Cruzeiro me ligar, não vou atender.
Para acertar com Montillo, o Corinthians ofereceu pouco mais de € 8 milhões (R$ 18,7 milhões) à Raposa depois de acertar salários com o argentino. Mesmo pressionado pelo próprio atleta, o Cruzeiro diz que não aceita negociar seu maior destaque por menos de € 15 milhões (R$ 35,2 milhões).
Antes de Roberto de Andrade anunciar a desistência, o discurso alvinegro já era pessimista. A equipe já havia encerrado as negociações e avisado que não aumentaria os valores. A espera era apenas por uma resposta formal do clube celeste. (R7)

Portuguesa vence o Corinthians e leva o Troféu Sócrates

Lancenet

No amistoso em que Corinthians e Portuguesa trocaram as faixas de campeões da Série A e B do Campeonato Brasileiro do ano passado, respectivamente, a equipe do Canindé levou a melhor e, com gol do estreante Rafael Oliveira, venceu o Timão por 1 a 0 e faturou o Troféu Sócrates.

No primeiro tempo da partida no Pacaembu, com as equipes titulares, o jogo foi empolgante. A Portuguesa conseguiu repetir o bom futebol que lhe rendeu o título da Série B de 2011 e o Corinthians também criou diversas chances. Depois, com os times reservas, pouca emoção e apenas o gol solitário de Rafael Oliveira.

O JOGO
A Portuguesa deu o cartão de visitas ao Corinthians logo no início da partida. Impondo uma forte marcação por pressão, a equipe do Canindé não deixou os jogadores do Timão com a bola no pé.
Mas, quando conseguiu “acalmar a partida”, o Corinthians chegou duas vezes ao gol da Lusa. Na primeira, Elton arriscou e Weverton defendeu. Pouco depois, Paulinho bateu para nova defesa do camisa 1 da Portuguesa.
Depois dos sustos, aos poucos, a Portuguesa começou a crescer no jogo e passou a levar perigo à meta de Julio Cesar. Em contra-ataque rápido, Luis Ricardo foi ao fundo pela direita e cruzou na cabeça de Boquita, que testou para excelente defesa de Julio Cesar.
E o jogo estava lá e cá! Logo no minuto seguinte, aos 16, Emerson Sheik fez boa jogada e bateu forte, assustando Weverton.
Aos 29 minutos da primeira etapa, a Lusa começou a mostrar qual o motivo de ter ganhado o apelido de Barcelusa na Série B de 2011. Henrique deu linda enfiada de bola para Vandinho, que ficou cara a cara com Julio Cesar, mas chutou em cima do goleiro.
Pouco depois, Henrique deu mais um bom passe. Desta vez para Rodriguinho, que ficou cara a cara com Julio Cesar e sofreu falta do goleiro, fora da área. O camisa 1 levou apenas um cartão amarelo.
Na cobrança da falta, Edno bateu com muita força, mas a bola subiu e passou por cima da meta corintiana. Antes dos acréscimos, a Lusa teve nova chance com Rodriguinho, mas o atacante bateu para fora.
No segundo tempo, times reservas e desentrosados. Até a metade, nada de chances de gol. Abusando de erros de passe e tentativas de jogadas individual, Corinthians e Lusa protagonizaram um início de segunda etapa sofrível.
Tudo corria mal, até que Bruninho tentou uma finalização na grande área do Corinthians e a bola sobrou para Rafael Oliveira empurrar para as redes e abrir o placar para a Portuguesa. No tobogã, festa da torcida da Lusa!
O Corinthians tentou o contra-golpe apenas um minuto depois. Vitor Júnio tentou em chute de longe e acertou a trave de Rodrigo Calaça. Depois, em cobrança de falta, o estreante obrigou Calaça a fazer excelente defesa,
Nada de lógica no duelo dos campeões da Primeira e Segunda Divisões do futebol brasileiro em 2011: venceu o campeão da Série B!

Barça vira sobre o Real Madrid e dança ‘Ai, se eu te pego’

UOL

 

Daniel Alves e Abidal dançam 'Ai, se eu te pego' após o segundo gol

No aniversário de Josep Guardiola, o Barcelona deu um belo presente para seu treinador. No Santiago Bernabéu, Puyol e Abidal marcaram na virada por 2 a 1 sobre o Real Madrid no jogo de ida das quartas de final da Copa do Rei. Cristiano Ronaldo fez o gol dos mandantes.

 
A comemoração da vitória teve um toque brasileiro. Após marcar o segundo gol do Barça, que garantiu a vitória, Abidal dançou a coreografia da música “Ai, se eu te pego”, sucesso do cantor sertanejo Michel Teló, com Daniel Alves.
Apesar da vitória, o Barcelona não começou bem o jogo. Aos 10 minutos, no primeiro lance de perigo da partida, Cristiano Ronaldo abriu o placar para o Real Madrid. O jogador recebeu lançamento de Benzema e, da ponta esquerda, encarou a marcação de Piqué, pedalou, puxou para a canhota e bateu forte para vencer o goleiro Pinto.

O Barça tentou a resposta três minutos depois. Da ponta esquerda, Iniesta cortou para o meio e bateu rasteiro, mas Casillas conseguiu a defesa. Aos 15, foi a trave quem salvou o Real. De cabeça, Alexis desviou lançamento de Fábregas, mas a bola bateu no travessão. O rebote ficou com Sergio Ramos, que conseguiu afastar o perigo.

 

Aos 25, Casillas fez mais uma boa defesa. Dessa vez, o chute foi de Messi, que arrancou pela esquerda e, do bico da área, chutou forte, mas parou no goleiro adversário.

 
Depois que o Barcelona ameaçou uma pressão, o Real Madrid colocou seus 11 jogadores atrás da linha do meio de campo para dificultar o toque de bola do adversário. Deu certo, já que os mandantes conseguiram segurar o 1 a 0 até o intervalo.

 

Porém, logo no início do segundo tempo, o Barcelona empatou. Após cobrança de escanteio, Puyol mergulhou livre e, quase da pequena área, cabeceou no canto direito de Casillas, sem chances para o goleiro do Real Madrid. 1 a 1.

 
Com o empate, os donos da casa abdicaram da postura puramente defensiva e o Barça começou a ter mais espaço para tocar a bola. Aos 9, foi a vez de Iniesta acertar a trave e quase virar o jogo.

 
O lance acordou o Real Madrid, que até então estava apático no segundo tempo. Aos 13, após boa jogada do lateral Altintop, Benzema completou o cruzamento com uma cabeçada forte que bateu na trave.

 
Aos 23, um lance polêmico. Pepe, que já tinha cartão amarelo, pisou na mão de Messi, que estava no chão. O juiz não viu, mas os companheiros do argentino perceberam, o que esquentou a partida.

O Barça voltou a assustar aos 25, novamente de cabeça. Após cobrança de falta de Xavi, foi Busquets quem levou a melhor sobre a zaga, mas errou o alvo. O domínio dos visitantes no jogo aéreo deixou Mourinho nervoso. O português brigou bastante com sua defesa após o lance.

 
Melhor no segundo tempo, o Barcelona enfim virou aos 31. Após belo passe de Messi, Abidal recebeu a bola pela esquerda em condição legal e bateu cruzado para colocar sua equipe na frente pela primeira vez no jogo.
Depois do gol da virada, Mourinho fez alterações para colocar seu time à frente. Porém, o Real Madrid não conseguiu se recuperar do golpe e acabou derrotado.
O jogo de volta será disputado na próxima quarta-feira (25), dessa vez em Barcelona.

Luxemburgo pediu a demissão de Ronaldinho para diretoria, diz jornal

Portal R7

 

O clima pesado que paira sobre o Flamengo parece que não tem data para terminar. Segundo matéria publicada nesta quarta-feira pelo Jornal Extra, Ronaldinho Gaúcho irritou o técnico Vanderlei Luxemburgo após ter sido flagrado com uma mulher na concentração em Londrina, durante a pré-temporada.

Inconformado com a situação, Luxemburgo teria pedido o desligamento do craque junto a diretoria rubro-negra, que negou o pedido. A decisão de Patrícia Amorim e do diretor de futebol Luiz Augusto Veloso de manter o astro no time acabou deixando Luxa enfraquecido nos bastidores.

Há rumores de que o técnico poderá deixar o comando da equipe após os dois jogos contra o Real Potosí, pela fase preliminar da Libertadores, mesmo que consiga a classificação para a fase de grupos.

Treinando junto com o grupo titular em Sucre, na Bolívia, onde se prepara para o duelo contra o Real Potosí, pela fase preliminar da Copa Libertadores, Ronaldinho Gaúcho foi um dos mais assediados pelos torcedores locais e acabou ganhando um poncho tarabuqueño, traje típico do local, de uma autoridade do Estado de Chuquisaca.

A estadia do Flamengo em Sucre parece ter mexido com a população local. Cerca de 300 pessoas receberam a delegação rubro-negra no aeroporto com faixas e camisas do clube. Um grupo de torcedores chegou a fazer uma carreata do aeroporto até o hotel onde a equipe está hospedada, mostrando o carinho dos bolivianos com a equipe brasileira.

Tite evita falar o termo ‘laranja podre’ para falar de Adriano

Lancenet

 
Um grupo recém-campeão brasileiro e uma Copa Libertadores pela frente. Focado nos objetivos da temporada, o técnico Tite espera que fatores de indiciplina – como o de Adriano, que faltou ao treino desta terça – não atrapalhem o Corinthians.

 
– Ele (Adriano) precisa criar essa força interior maior. Necessita disso, é para ele e para um trabalho todo, onde um grupo todo quer retomar um padrão, que chegou da conquista do título brasileiro muito em função disso. Temos um sentido solidário muito forte, por isso no Brasileirão passamos 27 rodadas na liderança e fomos campeões. É uma marca muito forte, temos de ter muito cuidado com isso – alertou o técnico.

O gaúcho pediu para que se evite o termo “laranja podre” em relação ao Imperador, mas admitiu que espera mais vontade dele, que viajou ao Rio de Janeiro na segunda-feira para o aniversário de sua mãe e não conseguiu retornar.

– Ele tem a vontade básica. Mas está muito tempo parado, precisa muito mais do que isso. Tem de querer, é um desafio. Precisa de mais doação. Tem de chegar ao seu limite pessoal – disse.

O treinador fez questão de defender Emerson Sheik, que se atrasou ao treinamento de segunda-feira e chegou ao CT de helicóptero após o início da atividade.

– Ele chegou atrasado, mas compareceu, trabalhou, falou comigo, passou para direção o problema que teve. Ele veio trabalhar, é diferente – explicou.
Apesar de não afirmar, Tite deu a entender que, se Adriano não tivesse cometido o ato de indisciplina, seria titular no amistoso desta quarta-feira, contra a Portuguesa, no lugar de Liedson, poupado pelos médicos. Assim, Elton terá a chance de estrear.

Globo agora tem domínio até sobre jogos da série C

A Rede Globo acaba de ampliar o seu domínio sobre o futebol brasileiro. Além de ser dona dos direitos de transmissão das séries A e B do Brasileirão, comprou a série C.

 

Não são partidas de grande audiência, é verdade, mas como o Sportv tem agora três canais e é preciso conteúdo para encher a grade, está valendo. (Veja)

Barcelona desiste de tirar Neymar do Santos antes do fim do contrato

Neymar

O presidente do Barcelona, Sandro Rosell, disse nesta segunda-feira que a possível contratação de Neymar é “um assunto a longo prazo”, já que o jogador pretende cumprir seu contrato com o Santos antes de jogar na Europa.

“Após 2014, quando acabar o contrato do atleta com o Santos, pensaremos no assunto. É quando ele deve querer mudar de ares. Neymar é um assunto a longo prazo. Depois falaremos sobre isso”, declarou o dirigente à emissora “COM Radio”.

Sobre o clássico contra o Real Madrid nesta quarta-feira, válido pela Copa do Rei, o presidente do Barça negou um jantar entre os dirigentes dos dois clubes.

“Nos encontraremos no camarote do Bernabéu para tomar uma champanhe e comemorar o primeiro encontro do ano novo”, afirmou Rosell.

O dirigente também falou sobre a renovação do treinador da equipe, Josep Guardiola, que pode acontecer a qualquer momento, como ocorre a cada temporada. “Que seja assim, por muitos anos”, finalizou. (Portal R7)

Maradona recebe alta após passar por cirurgia em Dubai

maradona

O ídolo argentino Diego Maradona e atual técnico do Al Wasl, dos Emirados Árabes Unidos, recebeu alta do Hospital Canadense de Dubai na manhã desta segunda-feira. Maradona foi internado com urgência para retirada de pedras nos rins. A cirurgia a laser foi realizada ontem.

Após a operação, ainda no hospital, o argentino ignorou as ordens médicas de repouso absoluto e ligou a televisão para acompanhar uma partida da Liga dos Emirados Árabes, competição que o Al Wasl disputa. O treinador deve finalizar a sua recuperação em casa e a expectativa dos dirigentes do clube é de que em poucos dias Diego Maradona reassuma o comando da equipe. (Com agência Gazeta Press)

Águia Negra enfrenta Cene, MAC e Comercial antes do Campeonato Estadual

Elenco se prepara para Campeonato Estadual que começa em fevereiro/Foto- Divulgação

A Comissão Técnica do Águia Negra divulgou a programação completa de amistosos durante a fase de preparação para o Campeonato Estadual. Até a estréia no dia 12 de fevereiro, além do jogo-treino disputado ontem (15) contra uma seleção de jogadores amadores da cidade de Nova Alvorada do Sul – vitória por 2 a 0, gols de Denílson e Alan Jr -, o time de Rio Brilhante enfrenta três adversários que também se preparam para a competição, todos integrantes do Grupo A.

 
O próximo amistoso será neste sábado (21), às 16h, contra o Cene no Estádio Olho do Furacão, em Campo Grande. No dia 29 de janeiro, às 16h, o Águia Negra vai à Maracaju enfrentar o MAC no Estádio Loucão. A última partida de preparação acontece no dia 5 de fevereiro contra o Comercial, provavelmente no Estádio Jacques da Luz, onde o Colorado deve mandar seus primeiros jogos no Estadual, já que o Estádio Morenão deve ser liberado apenas no fim de março. O horário deste jogo ainda não foi definido.

 
Segundo o técnico Cláudio Roberto, enfrentar uma equipe amadora no primeiro jogo serviu para observar alguns jogadores que chegaram ao clube este ano e também para dar oportunidade aos atletas das categorias de base que já trabalham com o elenco profissional. “Foi uma maneira de saber o comportamento deles em uma partida com jogadores mais experientes”, explicou.

 
Nos próximos jogos, o objetivo é, nas palavras do treinador, “começar a dar uma cara para a equipe”. Por isso a sequência de adversários fortes e que também se prepararam para a mesma competição. “São três bons jogos-treino que vai servir para ter uma base do que pretendemos e servirão de parâmetro para este início de competição”, frisou. Para ele, até a data desses jogos os atletas terão tempo de evoluir e a intenção é utilizar todos que estiverem em boas condições.

 
Jogar os amistosos fora de casa nesta fase de preparação se justifica pelo fato do gramado do Estádio Ninho da Águia estar em fase final de recuperação para o Estadual, por isso será poupado. Além disso, o primeiro jogo da equipe será na casa do adversário – Itaporã, no estádio Chavinha. “Já vamos ambientando nossos jogadores com jogos fora de nossa casa”, finalizou Cláudio.

 
No Campeonato Estadual, o Águia Negra está no Grupo B junto com AEC de Caarapó, Ivinhema, Naviraiense, Sete de Dourados, Urso de Mundo Novo e Itaporã, primeiro adversário. Após a primeira fase, os quatro melhores avançam para as quartas-de-final e o último cai para a segunda divisão. (Assessoria)

Em jogo de testes, Flamengo reage e arranca empate do Corinthians

Em amistoso marcado por testes de ambos os lados, uma vez que os treinadores efetuaram 22 substituições no duelo, o Flamengo arrancou empate contra o Corinthians por 2 a 2, no Estádio do Café, em Londrina. Entretanto, a equipe paulista foi superior na primeira etapa, quando ambos os clubes atuaram com todos seus titulares, e “venceu” por 2 a 0.
O duelo marcou a primeira participação de ambos os times no ano, e contou com um bom público na cidade paranaense. Os dois times de maior torcida no Brasil retribuíram o carinho dos torcedores e fizeram jogo movimentado em Londrina.

O Corinthians ficou em vantagem superior no resultado ainda no primeiro tempo, quando atuou com seu time “A” e fez 2 a 0 no Flamengo, com uma atuação amplamente superior. Na etapa complementar, os dois times trocaram todos seus atletas, e a equipe rubro-negra diminuiu a fatura e, posteriormente, empatou. Alex, Liedson, Bottinelli e Negueba balançaram as redes. (Jornal do Brasil)

Berlusconi exalta qualidade de Pato para justificar “não” ao PSG

Nesta semana, o atacante Alexandre Pato esteve próximo de acertar sua transferência para o Paris Saint-Germain. Porém, quando a negociação parecia perto de seu fim, uma reviravolta definiu que o brasileiro seguiria em seu atual time, o Milan. Segundo Silvio Berlusconi, presidente rossonero, a decisão de manter seu camisa 7 foi tomada pelo talento que o mandatário vê no jogador.
“Decidi manter o Pato, porque eu acho que ele é um jogador muito talentoso. Toda a operação não me convenceu, tanto pela parte técnica, quanto pela parte econômica”, justificou o dirigente.
De acordo com a imprensa europeia, o PSG ofereceu 35 milhões de euros (R$ 80 milhões) para contar com Pato em seu elenco. Com a possível saída do brasileiro do Milan, os dirigentes do clube italiano estavam próximos de um acerto com Carlos Tevez, encostado no Manchester City desde setembro do ano passado.
Após conversas com Kia Joorabchian, agente do argentino, no Rio de Janeiro, Adriano Galliani, vice-presidente do clube, estava na Inglaterra para finalizar a contratação, quando foi definido o fim da negociação entre Pato e o time parisiense. Consequentemente, a chegada do ex-corintiano foi inviabilizada.

 
Embora tivesse grande interesse em ter o jogador que conquistou o Brasileiro de 2005 pelo Timão, Berlusconi não se arrepende de preferir seguir com Pato, que está noivo de sua filha, Barbara. “É uma escolha que eu fiz, com total autonomia. Estou convencido de que é a melhor coisa para o Milan”, encerrou. (Gazeta Esportiva)

Mais organizado, UFC 142 não supera primeira edição do UFC Rio

Portal R7

 

Muitos erros que aconteceram no UFC 134, realizado em agosto de 2011 no Rio de Janeiro, não foram repetidos na edição realizada na noite de ontem  (14), na capital carioca. Contudo, mesmo mais “improvisado”, o evento do ano passado ainda sim supera o de 2012.

 
A favor do UFC 134, feito em 2011, pesa, e muito, o card, tido por muitos como “dos sonhos”, já que contou com lendas do esporte como Rodrigo Minotauro, Anderson Silva e Mauricio Shogun.

 

Veja as análises das edições:

 

CARD

 
Como explicado anteriormente, será difícil alguma edição superar o UFC 134, feito sob medida para o retorno do maior evento de MMA ao Brasil. A noite contou com Anderson Silva, Rodrigo Minotauro e Mauricio Shogun, enquanto o de sábado tinha, de apelo, os combates que contaram com José Aldo e Vitor Belfort.
Placar: UFC 134 1 x 0 UFC 142

 

HORÁRIO
Mesmo tarde, o UFC 134 começou mais cedo, em horário mais adequado para os brasileiros. O UFC 142 terminou por volta das 3h, como forma de atender ao mercado norte-americano, o que fez o próprio presidente da entidade, Dana White, admitir o erro.
Placar: UFC 134 2 x 0 UFC 142

 

ARBITRAGEM

 
Enquanto a arbitragem passou despercebida na edição do UFC 134, a do UFC 142 gerou polêmicas. Principalmente a luta entre Erick Silva e Carlo Prater, na qual o primeiro nocauteou e foi desqualificado, em atitude condenada por Dana White.
Placar: UFC 134 3 x 0 UFC 142

 

PESAGEM
As encaradas em nenhuma das edições emocionou o público no HSBC Arena. Porém, em 2011 nenhum atleta teve problema com a balança, ao contrário da edição de sábado (14), quando Anthony Johnson se apresentou com cinco quilos acima e foi ameaçado de não entrar no octógono para enfrentar Vitor Belfort.
Placar: UFC 134 4 x 0 UFC 142
INGRESSOS
Em menos de uma hora, os 16 mil ingressos para a edição do UFC 134 terminaram. Bem diferente do UFC 142, no qual, até a véspera do evento, haviam bilhetes disponíveis.
Placar: UFC 134 5 x 0 UFC 142

 

ORGANIZAÇÃO
O UFC 134 ficou marcado pelo “jeitinho brasileiro” em diversos aspectos. Um deles foram os constantes atrasos nos horários de todas as programações. Desde o treino aberto público, passando pela coletiva e pesagem, tudo atrasou, algo que não ocorreu no UFC 142.
Placar: UFC 134 5 x 1 UFC 142

 

VISIBILIDADE

 
A edição do ano passado deu o pontapé inicial e a mídia abraçou. O UFC 142 conseguiu ainda mais visibilidade, mesmo com um card mais fraco. Reflexo foi o número de jornalistas credenciados, que aumentou no evento deste último sábado.
Placar: UFC 134 5 x 2 UFC 142

Palmeiras vence Ajax e abafa protesto da torcida

A torcida do Palmeiras, que havia apoiado a equipe durante quase todo o tempo, já pedia a contratação de mais reforços e xingava a diretoria quando Pedro Carmona, aos 48 minutos do segundo tempo, definiu a vitória por 1 a 0 dos paulistas sobre o holandês Ajax, em amistoso disputado no Pacaembu.

 
No primeiro compromisso do Verdão em 2012, o ex-goleiro Marcos cumpriu a promessa de ser um legítimo torcedor após a aposentadoria. Das tribunas, o ídolo sorriu ao ver e ouvir as faixas e os gritos em sua homenagem, mas deve ter torcido o nariz para a atuação do time. Pouco modificada em relação ao ano passado, a equipe de Felipão, apesar de ter vencido, não empolgou.

 
O Palmeiras volta a campo no domingo que vem, contra o Bragantino, fora de casa, em duelo válido pela primeira rodada do Campeonato Paulista. O Ajax reinicia a temporada europeia no mesmo dia, contra o AZ, fora de casa, pela 18ª rodada do Campeonato Holandês – o time do técnico Frank de Boer está em quarto lugar.

 
O JOGO

 

O Palmeiras iniciou a nova temporada com poucas mudanças e ainda apresentando erros antigos. A maior novidade do time em relação ao fim do ano passado foi a presença do lateral esquerdo Juninho, vindo do Figueirense, na vaga do negociado Gabriel Silva. Outro que ganhou chance foi Tinga, que se aproveitou de lesão de Patrik para começar jogando.

O meia Daniel Carvalho e o zagueiro Román, outros reforços já anunciados, estão em busca da melhor forma física e não ficaram nem no banco de reservas. Com isso, Valdivia esteve solitário na armação e a dupla de zaga foi formada por Leandro Amaro e Henrique, envolvidos algumas vezes pelo toque de bola rápido do ataque europeu.

Quase todas as jogadas do Verdão com a bola rolando eram criadas por Valdivia, exceto pelas subidas de Cicinho, que se destacou pela direita. O problema é que os atacantes Luan e Ricardo Bueno foram opções pouco eficientes. Ainda assim, o time paulista apresentou pontos positivos: impondo forte marcação à saída de bola rival, deu poucas brechas e ainda apresentou ritmo alucinante em alguns momentos.

 
Se não fosse uma furada de Ricardo Bueno, o placar teria sido aberto aos quatro minutos de jogo. Dois minutos mais tarde, Luan cabeceou após cobrança de falta de Marcos Assunção e parou no travessão. O Ajax respondeu em duas chegadas de De Jong, que primeiro se atrapalhou na hora do chute e depois não conseguiu pegar em cheio, sozinho na pequena área.

 
O Palmeiras voltou a chegar com perigo na parte final do primeiro tempo. Aos 30 minutos, após nova cobrança de Assunção, Henrique obrigou o goleiro Vermeer a fazer boa defesa. Aos 37, o protagonista foi Valdivia: depois de colocar Tinga na cara do gol e ver o goleiro afastar com uma saída arrojada, o chileno pegou o rebote e tentou marcar por cobertura, mandando por cima.

 
No intervalo, as equipes foram bastante modificadas. Felipão tirou Leandro Amaro, Juninho e Ricardo Bueno para as entradas de Maurício Ramos, Gerley e Fernandão. No Ajax, saíram o goleiro Vermeer, os laterais Ligieon e Anita, o Eriksen e o atacante Lodeiro. Em seus lugares, entraram Cillessen, Van Rhijn, Blind, Serero e Ozbiliz.

 
A segunda etapa começou morna e, logo aos 15 minutos, os treinadores fizeram mais trocas. No Palmeiras, saíram Tinga e Valdivia para as entradas de Maikon Leite e Pedro Carmona. Na equipe europeia, saíram Alderweired, Janssen, De Jong e Sulejmani, que deram suas vagas a Ooijer, Bouy, Bulykin e Aissati. Aos 23, Marcos Assunção saiu para que Chico entrasse.

 
Com apenas dois titulares no gramado, o Ajax deixou de apresentar seus lampejos. Também desfigurado, o Alviverde ficou mais tempo com a bola no pé e criou bons lances. Pedro Carmona e Maikon Leite quase marcaram em um tiros de fora da área, aos 31 e aos 39, respectivamente. Do outro lado, Deola fez milagres em dois chutes de Klaassen, dando a impressão de que o empate já estava sacramentado.

 

Mas Luan disparou pela esquerda aos 48 minutos de bola rolando e cruzou no segundo pau para Pedro Carmona testar firme e definir a vitória. Na comemoração, o apoiador simulou estar defendendo um pênalti e evitou que as homenagens a Marcos fossem ofuscadas por uma má jornada. (Gazeta Esportiva)

 

Verdão promete jogar com imagem de ‘São Marcos’ na camisa

LNET teve acesso à camisa que os jogadores do Verdão usarão em homenagem ao ídolo (Fotos: Divulgação)

Marcos não deve ir ao Pacaembu neste sábado, mas sua imagem estará estampada como um “patrocínio” na camisa dos jogadores do Palmeiras, contra o Ajax.

A reportagem  teve acesso às imagens do uniforme, que tem o desenho do Santo ajoelhado na parte frontal e a inscrição “São Marcos” em cima do número dos atletas.
– É uma homenagem que o Palmeiras presta a ele. Muitas outras ações ainda serão feitas, até o jogo de despedida, que deve acontecer em 60 dias – afirmou Rubens Reis, diretor de marketing do clube.
As camisas, pelo menos a princípio, não serão vendidas para os torcedores. Antes do jogo, 120 crianças irão a campo com uma camisa para homenagear o ídolo. Uma bandeira também será aberta no meio do campo. Os jogadores entrarão com uma faixa para o ex-camisa 12.
Há a possibilidade de o Palmeiras jogar no Pacaembu com um patrocínio pontual na camisa.
As homenagens da torcida ao Santo, no entanto, vão começar mais cedo. Às 11h, os torcedores iniciam a procissão para Marcos, no Palestra Itália.

De acordo com a diretoria, um patrocínio master para a camisa será anunciado em breve. A direção nega que a Fiat voltará.

– Nós praticamente fechamos um patrocínio. Está adiantado. É uma grande empresa, devemos revelar em dez dias – afirmou Reis. (Lancenet)