terça-feira, 9 de agosto de 2022

Frio começa a dar trégua hoje, mas pode voltar forte na metade do mês

Depois de uma semana marcada pelo frio, a primeira segunda-feira de agosto deve amanhecer com temperaturas um pouco mais amenas em quase todo o país. A massa de ar polar que estava no Brasil começa a perder força, principalmente no Norte e no Centro-Oeste.

Em Cuiabá, por exemplo, as tardes já ficam quentes durante a semana, devendo se aproximar dos 36ºC. No Sudeste, a semana será menos gelada, apesar de madrugadas e noites ainda frias, com temperaturas na casa dos 10ºC em São Paulo.

No Nordeste, a previsão para a semana é de chuvas, nebulosidade e um refresco no calor, causado pelo excesso de nuvens. Na região Sul, o frio também deve dar uma folga, inclusive nas madrugadas, com mínimas perto dos 8ºC. Bem menos gelado do que a última semana.

Na última quinta-feira (29), a cidade de Urupema, interior de SC, chegou aos -8,9ºC, a menor temperatura registrada no Brasil em 2021. Nas serras gaúcha e catarinense, a massa de ar polar deve manter as temperaturas perto de 0ºC.

Fonte: G1

 

Onda de frio deixa temperaturas entre 4°C e 20°C em Mato Grosso do Sul

Após a passagem de uma frente fria, uma massa de ar polar promete baixas temperaturas em Mato Grosso do Sul nos próximos dias.

Os dias mais gelados segundo o Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima (Cemtec) serão entre hoje (28) e sexta-feira (30), que promete ser o dia mais gelado da semana. Existe ainda a chance de geadas principalmente na região sul do Estado.

“As mínimas podem chegar entre 2°C e 5°C na região sudoeste, 6°C e 10°C no sul da região pantaneira, 5°C e 11 na região leste, e na capital 6°C e 12°C”, destaca Valesca Fernandes, coordenadora do Cemtec.

Nesta quarta-feira as condições serão de bastante nebulosidade provocada pela frente fria, mas não há expectativa de chuva volumosa. Pancadas isoladas podem ocorrer.

Apesar do frio, o ar seco continua predominando em todas as áreas, com níveis de umidade do ar que podem ficar abaixo de 20%, reforçando a necessidade de tomar bastante líquido, umidificar ambientes e redobrar atenção com idosos e crianças.

As temperaturas ficam bastante baixas com a madrugada podendo registrar mínimas de 4°C no extremo sul do Estado, e  máxima de 20°C na região pantaneira.

Na capital o dia amanhece com muitas nuvens e temperaturas entre 7°C e 15°C, com umidade relativa do ar podendo chegar a 15% durante a tarde.

 

Fonte: Portal do MS

Cemtec alerta para possibilidade de geada na região sudoeste de MS entre 28 e 30 de julho

O Cemtec (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima) emitiu Aviso Meteorológico na tarde desta terça-feira (27) alertando sobre a probabilidade de ocorrência do fenômeno de geada nos municípios da região sudoeste de Mato Grosso do Sul, entre os dias 28 e 30 de julho (quarta, quinta e sexta-feira).

De acordo com a meteorologista Valesca Fernandes, coordenadora do Cemtec/Semagro, o fenômeno é em decorrência da queda acentuada nas temperaturas mínimas em Mato Grosso do Sul, provocada pelo avanço de uma massa de ar frio de origem polar que já derrubou as temperaturas em todo o Estado, configurando a terceira onda de frio do ano a partir desta terça-feira (27).

Conforme prognóstico do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) há chance de temperaturas negativas para região de Rio Brilhante. O Inmet também emitiu aviso de declínio acentuado de temperaturas a partir das 14h desta terça-feira. O declínio maior que 5°C oferece riscos à saúde.

 

Portal do MS

Defesa Civil alerta para baixas temperaturas em Dourados

A Defesa Civil emitiu um alerta para baixas temperaturas em Dourados nos próximos dias. Segundo as previsões do CPTEC (Centro de Previsão de Tempo e Estudo Climáticos), a frente fria deve atingir a nossa região na noite do dia 28 e madrugada do dia 29 com possibilidade de valores negativos de temperatura.

“As pessoas devem se agasalhar para evitar a exposição ao sereno e colocar os pets em local abrigado do vento. Quem estiver em situação de rua ou vulnerabilidade social pode solicitar apoio da assistência social ou no telefone 199. A Defesa Civil fará uma ação nos dias 28 e 29, verificando algumas ruas e entregando cobertores para aqueles que necessitarem ou realizando o transporte até a Casa da Acolhida”, explicou o coordenador municipal da Defesa Civil, Jamil da Costa.

A Guarda Municipal também está se preparando e tem reunido cobertores e doações. “As equipes já estão preparando a viatura para que possamos ajudar durante o trabalho. Já foram várias ações realizadas inclusive com ajuda da sociedade civil e dessa vez não será diferente”, relata a comandante da GM, Liliane Graziele Céspedes Nascimento.

Além do frio, os cuidados se estendem à baixa umidade do ar, devido aos impactos à saúde da população. A baixa umidade pode ocasionar doenças pulmonares e dores de cabeça, por isso é recomendável que as pessoas evitem o consumo de bebidas diuréticas.

Fonte: Assecom

Até quando a massa de ar frio polar vai atuar em Mato Grosso do Sul?

A semana começou gelada na região Centro-Oeste do Brasil devido aos ventos de sul trazidos pela intensa massa de ar polar. A meteorologia prevê geadas pontuais no extremo sul de Mato Grosso do Sul.

Aviso de onda de frio emitido pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) abrange todas as regiões sul-mato-grossenses e indica que as temperaturas estarão cerca de 5ºC abaixo da média até a manhã de quarta-feira (21).

A coordenadora do Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima (Cemtec), Valesca Fernandes, explica que as temperaturas estarão mais baixas nesta segunda-feira (19) e terça (20), principalmente nas regiões sudoeste, central, leste e sul da região pantaneira.

“Nestes dias as mínimas podem chegar entre 4°C e 5°C na região sudoeste, 7°C e 10°C no sul da região pantanais, 6°C e 8°C na região leste, e na capital 6°C e 4°C. Além disso, há probabilidade para ocorrer geada nestas regiões”, detalha a doutora em meteorologia.

De acordo com o Cemtec, a partir de quarta-feira (21) as temperaturas entram em gradativa elevação e os níveis de umidade relativa do ar ficam bastante baixos especialmente nas regiões norte, leste e norte da região pantaneira. 

Com a elevação das temperaturas e pouca nebulosidade, os níveis de umidade relativa do ar podem ficar entre 10% e 30%, e as recomendações incluem tomar bastante água e evitar exposição ao sol nos horários mais quentes e secos do dia.

Nesta segunda-feira (19) o tempo estará firme em todas as áreas do Estado, e as máximas não devem passar dos 15°C na região sul, 20°C no leste, e na região pantaneira e norte entre 22°C e 23°C.

Apesar do frio, os próximos dias serão de tempo firme e sem chuva devido ao avanço do ar seco e frio.

 

Portal do MS

Previsão de nova geada, chuva e queda da temperatura preocupam produtores

O Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima (Cemtec) fez um alerta de previsão de geada em Mato Grosso do Sul até terça-feira (20) e os produtores rurais estão preocupados com a chuva, que antecipa a frente fria.

De acordo com a meteorologista Valesca Fernandes, existe chance de geada mais forte para a região Sul do Estado, mas o frio não será tão intenso quanto o registrado entre 28 de junho e 1° de julho, que afetou uma área de aproximadamente 420 mil hectares, o que corresponde a 21% da área plantada no Estado e também 30,2% da área cultivada de Mato Grosso do Sul.

Decreto estadual na semana passada, declarou situação de emergência pelo prazo de 180 dias em Mato Grosso do Sul.

De acordo com o presidente da Aprossoja (Associação dos Produtores de Soja e Milho), Andre Dobashi, neste momento, a maior preocupação é com a chuva, que também é esperada. “A chuva enfraquece a planta, que já foi sofreu com a última geada, que foi mais rigorosa da que vem agora”, explicou.

Somente a área plantada de milho supera 2 milhões de hectares em Mato Grosso do Sul.

Fonte: Portal do MS

Tempo seco e grande amplitude térmica são destaques do tempo nesta sexta-feira

O tempo segue sem grandes alterações nesta sexta-feira (09). Sem a formação de grandes nuvens, o sol predomina e o tempo continua seco em todas as regiões de Mato Grosso do Sul.

Os níveis de umidade relativa do ar seguem em estado de alerta. Durante a tarde os índices podem ficar abaixo de 20%, oferecendo risco de incêndios florestais e também à saúde.

A madrugada pode registrar mínima de 9°C nas regiões sul e norte, e a máxima fica com a região pantaneira e sudoeste que pode atingir 35°C.

Em Campo Grande o sol brilha forte durante todo o dia e as temperaturas podem variar entre 14°C a 29°C.

Fonte: Portal do MS

Semana de sol, calor e tempo seco em Mato Grosso do Sul

O início da semana será marcado  pelo tempo firme em boa parte do Brasil. Um sistema de alta pressão atmosférica vai continuar impedindo nuvens carregadas e a semana terá como destaques o predomínio de sol, baixa umidade do ar e grande amplitude térmica com manhãs frias e tardes quentes em Mato Grosso do Sul.

Para esta segunda-feira (05) a previsão é de sol entre poucas nuvens em praticamente todo Estado, e não há possibilidade de chuva.

Os níveis de umidade relativa do ar podem atingir estado de alerta à saúde durante a tarde, com níveis entre 30% e 20%. O tempo seco requer muita atenção com a saúde e também com os possíveis focos de queimadas.

A madrugada pode registrar temperatura mínima de 10°C na região sudoeste e máxima de 34°C na região pantaneira.

Em Campo Grande o sol brilha forte entre poucas nuvens e as temperaturas podem variar entre 15°C a 27°C, e umidade do ar em 20% à tarde.

Não guarde os casacos

Para quem gosta de frio a boa notícia é que a meteorologia já indica a chegada de uma nova frente fria para o dia 14 de julho, que deve vir acompanhada de nova massa de ar polar que avança pelo sul do Brasil no dia 15 promovendo aumento de nuvens, chuva fraca e isolada, e ventos fortes.

Segundo o meteorologista Natalio Abrahão, no frio que deve durar até o dia 20 de julho, as temperaturas podem ficar entre 10°C a 0°C com previsão de novos eventos de geada que podem ocorrer entre Campo Grande e Sete Quedas.

 

Fonte: Portal do MS

Frio intenso dá boas vindas ao mês de julho, mas começa a perder força

Neste primeiro dia do mês de julho o frio continua forte no Centro-Sul do Brasil, mas o ar frio começa a perder intensidade e as temperaturas começam a subir de forma gradual.

Nesta quinta-feira (01) ainda há chance de o dia começar com geada na metade sul de Mato Grosso do Sul, mas no decorrer do período o sol brilha forte e as condições são de tempo firme e ar seco.

A madrugada pode ter mínima de 1°C na região sudoeste, e a máxima pode atingir os 25°C na região norte.

Na capital as condições serão de céu claro com névoa seca, e chance de geada fraca, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). As temperaturas podem variar entre 5°C a 20°C.

A boa notícia é que a partir de sexta-feira (02) as temperaturas seguem em elevação, tanto as mínimas quanto as máximas que já poderão atingir os 30°C na região pantaneira.

 

Fonte: Portal do MS

Frio intenso deve permanecer ao longo da semana em Mato Grosso do Sul

Uma intensa massa de ar polar avança sobre o país e provoca frio intenso nos próximos dias. Em Mato Grosso do Sul há condições para temperaturas de 1°C com geada na região sul e sudoeste.

Esse frio deve permanecer no Estado pelo menos até sexta-feira (02) quando o centro da massa de ar polar se desloca para o oceano, permitindo que as temperaturas voltem a subir na região Centro-Oeste, conforme o Climatempo.

O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) publicou aviso de queda acentuada nas temperaturas com elevado grau de severidade, oferecendo riscos à saúde. O alerta de temperaturas até 5°C abaixo da média no período, é válido até dia 30 de junho.

Com o declínio acentuado das temperaturas, as recomendações do coordenador da Defesa Civil de MS, Fábio Santos Catarinelli, são redobrar os cuidados com crianças, idosos, e animais domésticos. “Também é importante fazer o cadastro no serviço de alerta de SMS da Defesa Civil Estadual enviando uma mensagem de texto para o número 40199 com o CEP de interesse”.

Nesta terça-feira (29) as condições são de muitas nuvens que ainda se espalham sobre o Estado, mas sem expectativa de chuva. O dia pode começar com geada no sul de Mato Grosso do Sul.

O ar frio e seco se espalha por todo Estado com níveis de umidade do ar na casa dos 20% durante a tarde.  A madrugada pode ter mínima de 1°C em Ponta Porã, e a máxima está estimada em 17°C na região leste.

Na capital, céu com muitas nuvens e temperaturas entre 5°C a 17°C, segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia).

 

Fonte: Portal do MS

Massa de ar polar derruba temperaturas em MS a partir deste domingo

Após a passagem da frente fria, uma forte massa de ar de origem polar vai avançar sobre o Brasil e os últimos dias de junho devem ser de muito frio. O destaque para os próximos dias será a acentuada queda nas temperaturas em diversas áreas do País.

Como essa massa de ar polar é continental e o centro dela está no Paraguai muito próximo de Mato Grosso do Sul, ventos frios provocam queda acentuada de temperatura com risco de geada no Estado, especialmente na próxima terça (29) e quarta-feira (30), segundo o Climatempo.

O domingo (27) será de céu parcialmente nublado a claro em grande parte de Mato Grosso do Sul, exceto na parte sudoeste que terá aumento de nebulosidade ao longo do dia.

Alerta para os níveis de umidade relativa do ar que podem atingir níveis críticos durante a tarde com índices entre 30% a 20% durante a tarde. Nestas condições a recomendação para aliviar o desconforto é tomar muita água, umidificar ambientes e redobrar atenção com idosos e crianças.

A madrugada de domingo pode registrar temperaturas mínimas de 14°C na região norte e a máxima pode chegar aos 23°C no sudoeste e em parte da região pantaneira. Nas demais áreas o calor continua com máximas de 34°C nas regiões norte e bolsão. A queda nas temperaturas começa a se intensificar à noite.

Para Campo Grande o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) prevê domingo de sol entre muitas nuvens e temperaturas entre 16°C a 29°C com tendência a declínio. Os níveis de umidade podem chegar aos 20% na capital.

 

Portal do MS

Defesa Civil alerta para queda de temperaturas e riscos de vendaval

A Prefeitura de Dourados, através da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil, alerta a população para o aumento do vendaval e para a queda de temperatura. No último fim de semana, dois atendimentos foram realizados, para retirada de árvore e desobstrução de vias. O comunicado segue a nota emitida pelo INMET (Instituto Nacional de Meteorologia).

De acordo com o coordenador municipal da Defesa Civil, Jamil da Costa, a população precisa ter cuidado redobrado nesse período. “Toda atenção é válida neste período de queda de temperaturas e possíveis ventanias. A Defesa Civil tem trabalhado para realizar os atendimentos necessários”, destaca.

No último fim de semana dois atendimentos foram realizados pelas equipes da Defesa Civil. Na noite de sexta-feira (21) foi realizada a retirada de uma árvore na Rua 20 de Dezembro, e na madrugada de sábado (22), os galhos foram removidos da Rua Firmino Vieira de Matos.

“Como previsto houve o aumento nos ventos que levaram a queda de uma árvore e de galhos em uma outra via, por conta disso é importante reforçar o cuidado ao estacionar embaixo de árvores para evitar acidentes”, pontua.

A Defesa Civil ressalta que a semana continuará com queda nas temperaturas. O Cptec (Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos), nesta madrugada foi registrado mínima de 4ºC e para na madrugada de amanhã (25) a previsão é de 7ºC.

Tempo segue firme com temperaturas em elevação até o meio da semana

Portal do MS

 

Predomínio de sol com céu claro e alguns períodos de parcialmente nublado, e sem expectativa de chuva (Foto: Saul Schramm

 

A semana começa com grande amplitude térmica na região Centro-Oeste do Brasil e a estimativa é de dias quentes até o meio da semana.

 

Conforme o Climatempo, uma nova frente fria deve avançar ao longo da semana pela costa do Brasil. Além da chuva para algumas regiões do País, a tendência é de diminuição de temperatura novamente nas áreas do centro-sul do país.

 

A influência em Mato Grosso do Sul pode ser baixa. Existe a possibilidade de pancadas isoladas de chuva e ligeira queda nas temperaturas a partir de quarta-feira, especialmente no sul do Estado.

 

Já as condições estimadas para o Estado nesta segunda-feira (10) são de predomínio de sol com céu claro e alguns períodos de parcialmente nublado, e sem expectativa de chuva.

 

Uma massa de ar seco segue atuando no Estado que pode ter picos de 20% ao longo desta segunda-feira. Conforme a Organização Mundial da Saúde (OMS) a umidade relativa do ar ideal para saúde é acima de 40%.

 

O dia segue com grande amplitude térmica no Estado, com a mínima estimada em 13°C para sudoeste e centro-norte, e máxima de 35°C para a região pantaneira.

 

Em Campo Grande o sol aparece entre poucas nuvens, e a variação estimada de temperatura é de 19°C a 31°C.

Massa de ar seco atua neste fim de semana em Mato Grosso do Sul

Portal do MS

 

Uma grande massa de ar seco predomina sobre Mato Grosso do Sul (Foto - Eliel Oliveira)

 

Uma grande massa de ar seco predomina sobre Mato Grosso do Sul e impede a formação de nuvens carregadas. As condições esperadas para o fim de semana serão de tempo firme. Estimativa do Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima (Cemtec) indica manutenção de céu claro a parcialmente nublado.

 

O calor deve permanecer ao longo do fim de semana com as temperaturas podendo registrar mínimas de 18°C e máximas de até 41°C. Para Campo Grande a variação está estimada em 22°C a 36°C.

 

As condições esperadas para este sábado (27) são de céu claro a parcialmente nublado em grande parte do Estado com possibilidade de pancadas de chuvas isoladas e de fraca intensidade a partir da tarde sobre as regiões sudoeste e sul.

 

A umidade relativa do ar possui variação estimada entre 70% a 20% ao longo do dia. O índice considerado ideal para a saúde humana segundo a Organização Mundial de Saúde varia entre 60% a 80%. Abaixo e 30% o quadro é considerado preocupante. Ingerir bastante água, evitar exercícios físicos entre 10h e 16h, umidificar ambientes estão entre as recomendações para aliviar o desconforto.

 

Ventos de intensidade fraca a moderada devem ocorrer ao longo do dia. O sábado pode registrar temperaturas com variação entre 19°C a 39°C no Estado. Na capital a variação está estimada entre 24°C a 36°C.

 

 

Previsão de fim de semana de sol, calor e tempo seco

Portal do MS

 

As temperaturas devem registrar mínima de 12°C e máxima de 37°C no Estado (Foto - Divulgação)

As condições estimadas pela meteorologia para o final de semana são de predomínio de sol e grande amplitude térmica, as manhãs serão de temperaturas amenas e tardes de calor em todo Estado.

 

Para esta sexta-feira (19) a estimativa é de céu parcialmente nublado e não há expectativa de chuva. Conforme o Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima as pancadas de chuva voltam a ocorrer a partir da próxima terça-feira (23).

 

Um dos destaques desta sexta, fica com a umidade relativa do ar que nas horas mais quentes do dia podem chegar aos 35%, índice considerado estado de observação segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). A recomendação é tomar muita água para manter o corpo hidratado.

 

As temperaturas devem registrar mínima de 12°C e máxima de 37°C no Estado. Para a capital essa variação está estimada entre 20°C a 32°C.